Márvio Mansur: “Emissões Internacionais iniciaram a sua escalada”

Depois de um período de retração nas vendas devido o agravamento da pandemia em março, a FLYTOUR TRAVEL SOLUTIONS fechou o mês de maio com recuperação no aéreo Nacional e sinais importantes que as Emissões Internacionais iniciaram a sua escalada.

“Nossa equipe brilhou mais uma vez, março e abril foram marcados por atenção redobrada nos cancelamentos e reacomodações. Trabalhamos com muito zelo nas notificações às agências com passageiros impactados. Em maio, a nova malha aérea já estava formatada e com o crescimento da demanda tivemos mais tempo para focar nas oportunidades de vendas e levar diferenciais aos nossos clientes.“ Márvio Mansur

O cenário é de crescimento consistente dos voos nacionais. Em maio, o número de decolagens alcançou 42% da oferta regular. Os dados da ANAC registram para junho uma média diária de 1.319 voos, chegando a 55% da oferta pré-pandemia.

“No Nacional há uma consolidação das vendas com embarques mais próximos, porém agora em maior volume o que indica um aquecimento na movimentação do público Corporativo. Com relação às vendas Internacionais, até abril apresentaram uma alta concentração para o Caribe. Em maio esses destinos permaneceram como os mais procurados, mas observamos uma distribuição desse volume com o aumento das emissões para os EUA e Europa. Estamos confiantes que manteremos nossa rota de crescimento com a força da nossa equipe Comercial e capacidade de atendimento. Recomendo maior Planejamento para as Viagens Nacionais, porque mesmo com o aumento da oferta as companhias estão voando com fator de ocupação acima de 85%, o que naturalmente eleva o ticket médio.” Márvio Mansur

Outro destaque do mês na FTS foi a integração do conteúdo NDC (New Distribution Capability) das companhias Lufthansa, Swiss, Iberia e British no maisFLY. O NDC é a grande evolução da indústria de viagens desde a chegada do e-ticket. Através dessa estratégia de distribuição, as cias aéreas tem como objetivo maior personalização com tarifas exclusivas e a venda de serviços auxiliares. A possibilidade da oferta de serviços de ponta a ponta, dará a oportunidade das companhias se diferenciarem contribuindo para uma melhor tomada de decisão dos passageiros juntos aos agentes de viagens.

“A Equipe FTS é especialista no uso das ferramentas de negociação de nossos parceiros estratégicos. Somos reconhecidos pelo uso de 100% dos orçamentos que recebemos em benefício da nossa Rede de Franquias e Clientes de Mercado. As cias aéreas que trazem bons projetos à FTS sempre ganham Market Share, porque levamos muito a sério nosso papel de tornar nossos clientes competitivos. Já estamos discutindo e aprendendo sobre NDC há um bom tempo, e agora contamos com conteúdo on-line no maisFLY. Estamos animados e nos capacitando diariamente para essa nova forma de comercialização.” Márvio Mansur